NOTÍCIAS

Postado em 05 de Julho de 2018 às 14h16

Suplementação de dieta com Hilyses traz benefícios à avicultura

  • Mercoagro – Edição 2018 -

O período de crescimento/criação de frangos de corte é curto e, por essa razão, erros de manejo, nutrição e sanidade podem impactar diretamente em perdas econômicas já que não há tempo para recuperar o desempenho após prejuízos consequentes destas eventuais falhas.
Por isso é de grande importância um investimento maior no início do ciclo de crescimento destes animais, possibilitando condições para expressão máxima de seu potencial genético. O uso de nutrientes/aditivos funcionais tem crescido e se deve não somente à necessidade de substituir os antibióticos promotores de crescimento, mas de novas alternativas serem cada vez mais estudadas, viabilizadas e popularizadas. A suplementação de nucleotídeos na dieta de animais tem um papel importante em diversos processos metabólicos e, em especial, em alguns tecidos do corpo e determinadas fases de crescimento.
O Hilyses®, produto da ICC Brazil (empresa brasileira especialista em aditivos à base de
levedura), é fonte de nucleotídeos livres que são rapidamente absorvidos pelo organismo,
ajudando a fortalecer o sistema imunológico e a promover um crescimento mais eficiente.
Uma recente pesquisa da Dr. Melina Bonato, Coordenadora de P&D da ICC Brazil sobre os efeitos de baixa dosagem de Hilyses® no desempenho de frangos de corte até 42 dias de idade apontou uma melhora na conversão alimentar das aves aos 28 e 42 dias de idade, quando comparado ao controle negativo e foi numericamente superior aos demais tratamentos.
"Os resultados indicam os benefícios do uso de Hilyses® como fonte de nucleotídeos em dietas pré-iniciais e iniciais, reforçando sua importância neste período de rápido crescimento e desenvolvimento animal. Os benefícios são observados durante todo o crescimento, refletindo no melhor ganho de peso e conversão alimentar dos frangos", afirma Melina.
Fonte: Avicultura Industrial

Veja também

No acumulado do ano, exportações de carne suína crescem 42,2%31/08/16 De janeiro a julho deste ano, as exportações brasileiras de carne suína totalizaram 413,3 mil toneladas, aumento de 42,2% sobre o resultado obtido em igual período de 2015. As informações foram divulgadas pela Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA). Em relação ao mês de julho, houve queda de 3,6% no total embarcado,......
Acic renova contrato com Enterprise para venda da Mercoagro 202014/09/18 A Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC) renovou contrato com a Enterprise Feiras e Eventos para a venda da 13ª edição da Mercoagro – Feira Internacional de Negócios, Processamento e......
Carne valoriza 4,5% no mês de abril04/05/17 Após iniciar abril em queda, os preços da carne bovina se recuperaram no mês, segundo indicam dados do Cepea. No mercado atacadista da Grande São Paulo, a carcaça casada bovina começou abril negociada na casa dos R$......

Voltar para Notícias (pt)