NOTÍCIAS

Postado em 06 de Julho às 14h24

Preço da carne bovina brasileira exportada atinge recorde em junho

  • Mercoagro – Edição 2018 -

O preço da tonelada de carne bovinain naturabrasileira exportada atingiu um recorde em
junho, superando R$ 19 mil, segundo informações compiladas pelo Centro de Estudos
Avançados em Economia Aplicada (Cepea) na quinta-feira (05).
O Brasil exportou 54,4 mil toneladas de carne bovinain natura em junho, 45,4% abaixo das 99,6 mil toneladas embarcados no mesmo mês do ano passado e queda de 39,9% em
relação a maio deste ano (90,5 mil toneladas), segundo dados do Ministério da Indústria,
Comércio Exterior e Serviços.
O volume exportado em junho é também o menor desde janeiro de 2011, segundo o
Cepea.
A redução nos volumes é em parte explicada pelos efeitos da greve dos caminhoneiros no
final de maio, que impediu que cargas saíssem de frigoríficos e entrassem nos portos.
“Além disso, o preço da tonelada da carne brasileira em patamar recorde também pode
ter limitado as compras por parte de alguns países, já que reduz a competitividade da proteína nacional”, disse o Cepea em nota.
O alto preço pago por tonelada de carne amenizou a queda na receita com exportações
em junho, que foi de -33,5% em relação a junho de 2017 e de -26,4% ante maio de 2018, a US$ 278,8 milhões.
No mercado interno, o Cepea informou que os valores no mercado de animais para abate
estão “bastante dispersos” desde o início de julho. O indicador ESALQ/BM&FBovespa do boi gordo sobe 0,07% no mês até quarta-feira (04), a R$ 139,50.

Fonte: Carnetec

Veja também

Empresários conhecem potenciais de desenvolvimento do Paraguai17/09 A Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC) e o COMEX de Chapecó com apoio do COMEX de Concórdia, promoveram nesta sexta-feira (14), reunião com representantes de uma missão paraguaia que apresentou os potenciais do País e também as oportunidades do município de Naranjal. O evento, que reuniu empresários e lideranças de......
Mercado saudita exige novas regulamentações para frango brasileiro05/04 O conselho regulador da Arábia Saudita expressou preocupação com relação a produtos de frango e seu abate nos frigoríficos brasileiros. Ele destaca ainda a necessidade de investimentos e melhorias nas plantas......

Voltar para Notícias (pt)