NOTÍCIAS

Postado em 19 de Junho de 2017 às 14h08

Pesquisa aponta crescimento no abate de frangos e suínos

Mercoagro – Edição 2018 Foram abatidas 1,48 bilhão de cabeças de frango no primeiro trimestre deste ano O primeiro trimestre deste ano registrou crescimento nos abates de frangos e suínos, se comparado com o...

Foram abatidas 1,48 bilhão de cabeças de frango no primeiro trimestre deste ano


O primeiro trimestre deste ano registrou crescimento nos abates de frangos e suínos, se comparado com o trimestre anterior. Os dados foram divulgados na semana passada, na Pesquisa Trimestral de Abate de Animais e Aquisição de Leite, Couro e Produção de Ovos, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
No 1º trimeste de 2017, foram abatidas 1,48 bilhão de cabeças de frango, resultado 5,1% acima do registrado no 4º trimestre do ano passado. Já na comparação com o mesmo trimestre do ano anterior, o aumento foi de 0,3%.
Em relação ao abate de suínos, os dados do IBGE indicam queda de 3,2% no primeiro trimestre deste ano. Na comparação anual, houve um crescimento de 2,6% no primeiro trimestre do ano, se comparado com o ano passado.
O abate de 10,46 milhões de cabeças de suínos foi o melhor resultado entre os primeiros trimestres desde que se iniciou a Pesquisa em 1997. Foram 269,64 mil cabeças de suínos a mais no 1º trimestre de 2017, em relação a igual período do ano anterior, com crescimento em 12 das 25 unidades da federação participantes da pesquisa.
Em relação aos bovinos, foram abatidas 7,37 milhões de cabeças, resultado 0,7% superior ao primeiro trimestre do ano passado. O abate de 49,62 mil cabeças de bovinos a mais em um ano foi impulsionado por aumentos em 11 das 27 unidades da federação, com crescimento maior em Goiás (mais 97,26 mil cabeças abatidas).

 

Fonte: Agência Brasil

Veja também

Intensificação das vendas a países africanos ajuda a elevar exportação12/04 Embora Hong Kong e China tenham sido os principais mercados responsáveis pelo bom resultado das saídas brasileiras de carne suína em março, a intensificação das vendas para países africanos, como Angola e África do Sul, contribuiu para impulsionar os embarques do período. De janeiro a março de 2018, a África do Sul já adquiriu......
Encadeamento Produtivo: pequenos negócios em evidência na Mercoagro 201616/09/16 Diversos produtos e serviços para o segmento de frigorífico são apresentados pelas treze pequenas empresas que integram o “Encadeamento Produtivo Aurora Alimentos – Sebrae/SC: suínos, aves e leite” em estandes,......
Preços do suíno vivo e da carne seguem em alta no País17/08 Os preços do suíno vivo e da carne subiram pela segunda semana consecutiva, segundo levantamento do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Esalq/USP. A demanda mais aquecida – devido ao recebimento dos......

Voltar para Notícias (pt)