NOTÍCIAS

Postado em 17 de Fevereiro de 2016 às 14h05

Nove frigoríficos de MS exportarão carne para Arábia Saudita até o fim de fevereiro

Unidades de nove cidades vão exportar para o país árabe

Nove frigoríficos de Mato Grosso do Sul foram habilitados e deverão exportar carne até o fim de fevereiro para a Arábia Saudita. As unidades do estado integram uma lista de 49 frigoríficos que vão exportar para o Oriente Médio.

Segundo a Autoridade Saudita de Alimentos e Medicamentos (SFDA), foram habilitadas as exportações de três unidades JBS, sendo duas de Campo Grande e uma de Naviraí, duas unidades Marfrig, em Bataguassu e Porto Murtinho, do frigorífico Total, de Paranaíba, Minerva, de Batayporã, Vale Grande, de Iguatemi e Mataboi, de Três Lagoas.

O fim do embargo à carne brasileira representa abertura não apenas do mercado saudita, mas de todos os países vizinhos. Somente a Arábia Saudita comprou, em 2014, US$ 355 milhões do produto, o que representa quase 100 mil toneladas. O valor é 10% de tudo o que o Brasil exporta em carne bovina, que soma 1,1 milhão de toneladas todos os anos.

Em 2015 as exportações da carne brasileira para países árabes atingiram geraram lucro de US$ 1,4 bilhão, um total de 24% da exportação do ano. Somente os Emirados Árabes Unidos importaram do Brasil 18 mil toneladas de carne bovina em 2015, gerando faturamento de US$ 84 milhões.

Fonte: Frigonews com informações do Capital News 

Veja também

Faturamento com exportações de carne suína e de frango tem aumento de 11,6% comparado a 201614/11/17 Agronegócio catarinense segue faturando com as exportações. O faturamento com os embarques de carne suína para o exterior já é 22,5% maior do que em 2016. Somadas, as receitas com as exportações de carne de frango e suína em 2017 passam de US$ 2,08 bilhões – 11,6% a mais do que no mesmo período do último ano. De janeiro a......
Inicia nesta terça-feira em Chapecó a Mercoagro 201612/09/16 Pavilhões abrem às 14 horas. Solenidade oficial está prevista para as 16 horas desta terça-feira (13) na entrada do Pavilhão 4 Um dos maiores eventos da indústria mundial da carne, a Mercoagro 2016 (Feira......
Especialistas apostam na retomada da pecuária, mas recomendam cautela30/01/18 Depois de um ano difícil, em que a pecuária foi afetada por fatores como a Operação Carne Fraca e as delações dos executivos do JBS, o setor começou 2018 em um clima mais otimista. “Este deve ser um......

Voltar para Notícias (pt)