NOTÍCIAS

Postado em 05 de Abril às 11h15

Mercado saudita exige novas regulamentações para frango brasileiro

  • Mercoagro – Edição 2018 -

O conselho regulador da Arábia Saudita expressou preocupação com relação a produtos de
frango e seu abate nos frigoríficos brasileiros. Ele destaca ainda a necessidade de investimentos e melhorias nas plantas brasileiras. A informação foi divulgada pelo site Global Meat News.
Eumar Novacki, secretário executivo do Ministério da Agricultura do Brasil (Mapa) e Suan
Al-Irhayim, diretor da Golfo Standards Organization (GSO), reuniram-se para discutir mudanças e regulamentos sobre o abate de frangos, que envolvem aspectos técnicos e religiosos.
Uma emenda aos requisitos gerais para o abate de animais e aves, em consonância com a
Lei Islâmica, foi discutida e, de acordo com Al-Irhayim, espera-se que seja implementada até o fim de junho de 2018. A mudança permitirá o cumprimento dos requisitos para a certificação Halal.
O Mapa colaborou com o desenvolvimento de projetos e estudos, junto com universidades,
sobre o tema, como medida para apoiar as certificadoras quanto aos requisitos religiosos
necessários para a exportação.
Para alinhar os procedimentos adotados no abate, foi estabelecido um canal direto de
discussão entre o GSO, o Mapa e a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), entidade que representa a indústria de carne no Brasil. Novacki destacou a disposição do Brasil em cooperar em questões técnicas e tecnológicas para fornecer os produtos desejados pelo mercado saudita.

A Arábia Saudita é um dos principais destinos das exportações brasileiras de frango, com
591 mil toneladas enviadas em 2017 – no valor de mais de US$ 1 bilhão.

Fonte e foto: Suíno.com

Veja também

Milho e soja conseguem manter a safra 2017/18 como a segunda maior da história16/04 O levantamento apresentado na última terça-feira (10) pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) revela que a colheita da safra 2017/2018 deverá ser a segunda maior da história. A estimativa é de que cheguem a 229,5 milhões de toneladas de grãos. A safra anterior registrou 237,7 milhões de toneladas. Apesar do declínio de 3,4%, o número,......
Porto de Imbituba realiza exportação de bois vivos02/05 Na última sexta-feira (27), o Porto de Imbituba realizou o embarque de 4.341 bois para a Turquia. A operação durou aproximadamente 11 horas e foi um sucesso. Às 7h de sábado (28), o navio Gelbray Express partiu de Imbituba......

Voltar para Notícias (pt)