NOTÍCIAS

Postado em 11 de Junho às 13h23

Impacto dos microminerais no crescimento dos bezerros

  • Mercoagro – Edição 2018 -

Os gerentes de sistemas de recria, geralmente, enfrentam diversos desafios com bezerros
que chegam dos leilões. Ao longo do processo, esses animais, muitas vezes, são misturados, expostos a patógenos de enfermidades e passam pelo estresse do transporte. Todos esses fatores podem predispô-los ao menor desempenho e à morbidade, ou seja, mais facilidade de desenvolverem doenças. Um estudo realizado na Universidade de Arkansas, com Zinpro Performance Minerals®, demonstrou que programas de microminerais são essenciais para reduzir o impacto negativo do estresse sobre a retenção mineral, resposta à vacinação e tratamentos, bem como crescimento dos animais.
O objetivo desse levantamento foi avaliar o efeito de Zinco (Zn), Manganês (Mn), Cobre (Cu) e Cobalto (Co), sob a forma de Availa-4 (complexo zinco-aminoácido, complexo manganês-aminoácido, complexo cobre-aminoácido e cobalto glucoheptonato), em todos esses fatores nos bezerros recém-chegados de leilões. A análise foi realizada durante um período de recria de 42 dias fazendo a comparação com os mesmos microminerais de fontes inorgânicas convencionais – que utilizam sulfato de zinco, sulfato de manganês, sulfato de cobre e carbonato de cobalto.
Para realizar a pesquisa, foram utilizados 288 bezerros machos (77 castrados e 211 inteiros), com média de 239 quilos, obtidos desses leilões. Para cada grupo, os animais fora atribuídos aleatoriamente aos tratamentos e observados diariamente.
Após os 42 dias, os bezerros suplementados com minerais sob a forma de Availa-4 tiveram
maior ganho médio diário (GMD) e maior peso final que os bezerros suplementados com os mesmos teores de microminerais no tratamento inorgânico. Além disso, houve um alto índice de morbidade nos animais, em média, 63% deles foram tratados com enfermidade respiratória bovina. Entretanto, menos bezerros alimentados com Availa-4 precisaram de um segundo tratamento com antibiótico.
A suplementação com Zn, Mn, Cu e Co sob a forma de Availa-4 melhorou o desempenho
de crescimento dos animais em adaptação durante o período de pesquisa. Numericamente, cinco bezerros suplementados com o tratamento inorgânico foram considerados “crônicos”. Já os submetidos a Avalia-4, foram apenas dois casos.
Os testes demonstraram que Availa-4 pode ser utilizado em dietas de recria para fornecer
Zn, Mn, Cu e Co. Embora o fornecimento de Availa-4 durante o período de recria não tenha
reduzido a porcentagem de bezerros enfermos, houve uma tendência para menos animais
precisarem de um segundo tratamento com antibióticos. Com isso, foi constatado que os
programas de microminerais são essenciais para diminuir o impacto negativo do estresse sobre a resposta à vacinação e aos tratamentos, assim como ao crescimento e retenção mineral.

Fonte e foto: Scot Consultoria

Veja também

ACIC entrega pedido ao ministro Eumar Novacki para construção de um novo pavilhão na Efapi15/05 O presidente da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC), Cidnei Barozzi, entregou, nessa terça-feira (15), ao ministro da Agricultura em exercício, Eumar Novacki, um ofício solicitando seu engajamento na busca de recursos públicos junto ao Governo Federal para a construção de um novo pavilhão no Parque de Exposições......
Salão da Inovação incentiva o desenvolvimento de novos produtos14/09/16 Linguiça defumada maturada de ovinos, presunto defumado de tilápia, quibe de cordeiro, creme de leite de arroz-vegano, patê de fígado de rã-touro, queijo tipo cottage sem lactose com adição de fibras e......

Voltar para Notícias (pt)