NOTÍCIAS

Postado em 09 de Agosto de 2018 às 13h30

Empresas alimentícias criam Coalizão Global para o bem-estar animal

  • Mercoagro – Edição 2018 -

Sete empresas multinacionais de alimentos uniram forças para criar a Coalizão Global para o Bem-Estar Animal (GCAW) para avançar os padrões na cadeia de abastecimento alimentar. Os sete incluem Unilever, Nestlé, Aramark, Compass e Sodexo e todos trabalharão com especialistas em bem-estar animal para acelerar o desenvolvimento de altos padrões de bem-estar.
Dois dos cinco principais objetivos do grupo estão diretamente relacionados a políticas livres de aves domésticas e melhoria do bem-estar dos frangos de corte - enquanto os outros três estão relacionados à resistência antimicrobiana, padrões globais de transporte e abate e bem-estar dos peixes de criação.
O GCAW disse que mais de 70 bilhões de animais são cultivados anualmente, com mais de 70% deles vivendo em sistemas intensivos, frequentemente com baixos padrões de bem estar.
Em comunicado divulgado na semana passada, o GCAW, que também inclui o Elior Group e o Ikea Food Service, disse que pretende "publicar uma agenda de mudanças no primeiro semestre de 2019".
Ele disse que o sistema global de alimentos "deve manter altos níveis de segurança alimentar para ingredientes de origem animal, abordar desafios como resistência antimicrobiana e mitigar o impacto ambiental de novas abordagens".
Três estratégias devem ser implementadas pela coalizão cobrindo: Maior cooperação com especialistas em bem-estar animal; Desenvolver roteiros para mudanças na indústria, apoiando os produtores na implementação de práticas sólidas de bem-estar animal; Avance o conhecimento sobre bem-estar animal globalmente por meio de insights da indústria, pesquisa sob medida e parcerias para ação.

Fonte: Avicultura Industrial / Traduzido de Poultryworld por redação

Veja também

Agro registra recorde de US$ 59,2 bi em vendas externas desde janeiro14/08/18 As exportações brasileiras do agronegócio subiram de US$ 56,39 bilhões para US$ 59,2 bilhões entre janeiro e julho deste ano (+5%), valor recorde de toda a série histórica (1997 2018) para o período, conforme o  Boletim da Balança Comercial do Agronegócio  divulgado pela Secretaria de Relações Internacionais do......
Governo do Estado mantém redução no ICMS para produtores catarinenses28/03/18 Para incentivar a competitividade e promover o agronegócio em Santa Catarina, o governador Eduardo Pinho Moreira sancionou nesta terça-feira, 27, o decreto prorrogando a redução do ICMS para suínos vivos, erva-mate, alho e......

Voltar para Notícias (pt)