NOTÍCIAS

Postado em 17 de Maio de 2018 às 14h10

Com os expositores garantidos, Mercoagro 2018 foca agora o público comprador

    Com 100% dos espaços contratados pelos expositores, a Mercoagro 2018 (Feira Internacional de Negócios, Processamento e Industrialização da Carne) concentra, agora, seu esforço de comunicação no público para atrair cerca de 15 mil compradores. A 12ª edição da expo-feira ocorrerá de 11 a 14 de setembro deste ano, no Parque de Exposições Tancredo Neves, em Chapecó (SC).

    Considerada uma das maiores feiras técnicas da indústria mundial de alimentos, a Mercoagro é uma iniciativa da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC).

    O gerente do projeto Mercoagro Nadir José Cervelin realça que a divulgação da feira envolve o emprego articulado das mídias impressas, digitais e eletrônicas para atrair visitantes do Brasil e do exterior. O site da feira (www.mercoagro.com.br) está no ar desde o ano passado oferecendo extensa gama de informações aos interessados, inclusive a intensa programação científica e os eventos paralelos. Também permite a inscrição prévia e a obtenção dos crachás para ingresso.

    Tudo o que é relevante sobre a Mercoagro também está disponível através de aplicativo para telefonia celular (smartphone) que pode ser baixado gratuitamente pelas lojas virtuais Apple e Google Play. Esse serviço tem o objetivo de dar transparência e atender com rapidez todas as demandas dos diversos públicos.

    Conteúdos jornalísticos são elaborados e encaminhados diariamente aos meios de comunicação de todas as mídias, incluindo emissoras de rádio e televisão, jornais e revistas especializadas, agências de notícias, sites e portais jornalísticos, entre outros canais. Por outro lado, Newsletter com conteúdos informativos são distribuídos periodicamente a expressivo segmento do público-alvo.

    Simultaneamente, malas-diretas são enviadas periodicamente ao conjunto de expositores com materiais para serem replicados, distribuídos e reencaminhados aos seus respectivos clientes para que visitem a Mercoagro 2018.

    A partir deste mês, os expositores passam a receber lotes de convites para distribuição aos seus respectivos públicos nas versões impressa e digital. A versão digital permite redistribuir o convite para o mailing exclusivo de cada expositor. Para receber a versão impressa, o expositor deve informar a Comissão Organizadora qual a quantidade que necessita até o dia 30 deste mês de maio. O material é integralmente gratuito e leva a logomarca do expositor.

    O presidente da ACIC Cidnei Barozzi enfatiza que, na Mercoagro, os expositores e visitantes-compradores têm a certeza da realização de bons negócios. “A expo-feira notabilizou-se mundialmente e atrai fabricantes e fornecedores de máquinas, equipamentos, implementos e insumos para as indústrias frigoríficas”. Além disso, o compromisso com a integração econômica e a difusão do conhecimento científico que presidiram a primeira edição continua sendo prioridade. “Simultaneamente ao fomento dos negócios, a Mercoagro atua como importante instrumento de integração e difusão tecnológica através dos eventos paralelos, como o Seminário Internacional de Industrialização da Carne, a Clínica Tecnológica, o Laboratório Experimental, o salão de inovação, a sessão de negócios, o painel de oportunidades e o Mercoshow”, salientou.

    MERCOAGRO

    A Mercoagro terá 180 estandes com 250 marcas representadas. A previsão é de 15 mil visitantes/compradores e negócios na ordem de 160 milhões de dólares. A Mercoagro tem a Enterprise Feiras e Eventos no esforço de vendas e assessoramento técnico e apoio da Prefeitura de Chapecó, Facisc, ABIA, ABPA, Chapecó e Região Convention & Visitors Bureau, Fiesc, Senai, Safetrading, Sebrae/SC, Sindicarnes, Sihrbasc, Unochapecó, Abrafrigo, Unoesc, Embrapa Suínos e Aves, Asgav/Sipargs, Programa Ovos RS, ABIAF, Sincravesc, ITAL, Nucleovet e BRDE.

    Mais informações no site: www.mercoagro.com.br.

    Veja também

    Penas de frango - dando ao resíduo uma nova vida13/08/18 Uma empresa espanhola está procurando usar penas de galinha como uma forma de plástico para dar ao resíduo tradicional uma nova vida. Estima-se que a indústria avícola europeia gerou cerca de 3,1 milhões de toneladas de penas descartadas em 2014. Mas agora Sarah Montes, cientista pesquisadora da firma espanhola Cidetec, acredita que as penas podem ser transformadas. Os......
    Há 20 anos no mercado, Bertoldi apresenta componentes na feira10/05/16 Completando 20 anos de atuação no segmento de termoplásticos injetados em 2016, a Metalplásticos Bertoldi é focada principalmente no fornecimento de componentes para os transportadores aéreos (nórias) e em......
    O frango vivo em abril e no 1º quadrimestre de 201802/05/18 Já faz algum tempo que as variações de preço do frango vivo comercializado no interior de São Paulo deixaram de ser a principal – e, por décadas, única - referência das condições......

    Voltar para Notícias (pt)